30de Novembro,2022

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

18 Oct Written by 

Faz Hoje… anos a Eldest

 

Traditional Cache

Eldest by mtrevas, Cadaval, distrito de Lisboa.

 

This cache is a tribute to the Geocacheres Greenshades

Mais mês, menos mês fecha-se a quadrilogia, que já conta com além desta a Eragon e a Brisingr.

 

Com vista para as Berlengas

 

Found it Found itKelux

 

10/24/2009

Tour Gatos e Dragões AKA B.I.W.T.I.N.A.F.T.F.
Aceitando o convite do VSergios, juntei ao Costa (dos Lamas) e ao MTrevas (que trocou dez FTF's por uma cachada entre amigos à espera que eu se lhes juntasse), vim passar a tarde deste sábado em Alenquer; para duas mãos-cheias de caches felinas e outra draconiana.

Após o agradável passeio pelas novas caches do JeremiasGato, autêntico powertrail de Alenquer, o nosso destino era virmos ao ninho do dragão mais velho da trilogia de Paolini, descobrir o seu tesouro... e que rico e brilhante o encontrámos, tanto que não resistimos em trazer parte do espólio connosco 
Ao chegarmos perto do waypoint de estacionamento, reparámos na presença de dois cachemobiles já estacionados... sinal evidente de que iriamos ter companhia nesta cachada... mas assim que chegámos ao início do trilho de acesso, não havia vivalma, pelo que fomos avançando calmamente e até pudemos descobrir bastantes motivos de interesse para futuras caches... talvez o Eldest não se importasse de ter uma casa de campo com tecto 
Só quando já estávamos a cerca de 150m do GZ é que começámos a ouvir vozes... e conhecidas ainda por cima.
Ao olharmos para cima, para o esconderijo da cache, já havia alguém com ela na mão e que se dispunha a descer a montanha, para que os outros todos não tivessem de subir os metros finais. Mas, azar dos azares, com o owner presente, logo foi declarado que só seriam admissíveis logs feitos no GZ... que mau, Miguel!! 
De facto, nesta cache, pode dizer-se com propriedade que o que custa mais, são mesmo os metros finais, serpenteados por entre lapiás aguçados... mas a vista que se desfruta lá de cima, é compensadora de todo o esforço dispendido... e em companhia 5 estrelas como esta, ainda mais.

Depois, foi o fartar vilanagem e saquear o espólio deste dragão fã de trackables... por mim, trouxe uns quantos para deixar mais a sul.

Quando estávamos todos de barriguinha cheia de boas vistas, encetámos a descida com mil cuidados e já ao lado do puro sangue inglês que nos acompanhou nesta aventura, foi o momento de nos despedirmos da Dakidali, dos PTTeam e.........

TFTC e continua a plantar destas, Miguel!

 

 

 

Found it Found it vsergios
10/24/2009

Antes de mais quero esclarecer que o terreno pode ser de quatro estrelas, mas para o owner, que ficou lá para trás ao subir aquilo. Porque para geocachers com estofo, mesmo que pouco, três estrelas são mais que suficientes. Ou isso, ou o passeio foi tão agradável que não dei pelas dificuldades. Estava a precisar de esticar as pernas e nada melhor que o maravilhoso Montejunto para o fazer. O ar sempre fresco desta serra rejuvenesce qualquer um e dá energias para mais uma semana de escritório e tal.
Mas não foi só o ar de Montejunto que estava bom. O dia estava solarengo e a malta estava, obviamente, bem disposta.
Tentei procurar um acesso pelo qual o Range Rover pudesse ir mais perto do dragão, mas não me deixaram. Quem toma conta dos dragões é severo e pune drasticamente qualquer tentativa de efectuar a cache sem ser como ele quer, faz-me lembra o outro.  Mas está bem, vamos lá.
Pusemo-nos ao caminho, e sinceramente, comecei a desconfiar que tenha sido mesmo o Miguel a esconder a cache. Primeiro, não sabia o caminho como deve de ser. E segundo, o caminho era mesmo muita íngreme.
Foi quando íamos a meio da subida que se começaram a ouvir vozes. Deviam ser as crias do dragão Eldest, as Eldestinhas. Mas não, as vozes esganiçadas faziam lembrar antes as galinhas. Era isso, galinhas. Mas não, afinal não, eram seres sedentos dos ovinhos que descansavam no ninho, os trackables. Sim, sedentos, porque enquanto uns admiravam a pureza e beleza do alto da serra, outros rapinavam tbs e coins à maluca 
Tão bom que era estar ali em cima.
A descida foi fácil, e agradável, já que agora foi feita na companhia de toda a gente.
No dia a seguir, em Santarém, deparei-me com os três livros da série na mão. Uma prima devora aquele tipo de leitura que é uma coisa louca. Trouxe o primeiro para ver se tenho coragem de me aventurar pelas terras do além.
Muito bom, muito bom! Fantástico! Teria dito um amigo meu...
Obrigado bastante,
Vitor Sérgio

 

 

 

2 comments

Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter