29de Janeiro,2022

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

24 Dec Written by 

Faz Hoje… anos A Cache do Gil

Wherigo Cache A Cache do Gil by Tribo do Trilho, é só seguir as sinalizações que ainda indicam Expo 98 e depois as instruções do Gil, distrito de Lisboa.

No top 3 das favoritizadas...

Hoje vão ter de ler um bocadinho...


 

Found it Found it vsergios
04/25/2011

Foi uma maneira diferente de comemorar o 25 de Abril.
Uma cache diferente das outras haveria de certo de nos entusiasmar.
E entusiasmou. Não só a nós como aos putos, que eram bastantes.
Foi cansativo para alguns, porque o passeio ainda é grande, e ainda por cima já tinham andado desde lá até cá, apra andarmos para lá outra vez
Antes de começar, uns cafés e umas águas no café da ciência, para reconfortar a alma.
Depois foi seguirmos todos o iPhone e o Trevas seguir o Android dele
Como gosto do enredo destas caches, fiz questão de contar a história aos miudos, passo a passo, e Às tantas a minha filhota só queria era encontrar a namorada do Gil e ficou com pena de não a ter visto mesmo a sério... Mas divertiu-se com o primo Tomás e os amigos JJJótas, durante todo o percurso, que meteu muita brincadeira e gelados.
A zona é dada a este tipo de cache, e foi uma ideia bastante engraçada a construção desta cache.
Ficamos todos muito agradecidos e com vontade de fazer outras Wherigo, apesar de para muitos esta não ter sido a primeira delas, claro.
Deu para cansar. Deu para transpirar. Deu para divertir. Bastante.
Muito obrigado,
Vitor Sérgio, Vitória, Costa, JJJótas, Martinzes e Miguel

17:49, Found it with Cachebox!

Found it Found it MightyReek

03/20/2011

A coisa até começou calmamente. O Bolacha nem sequer se enganou mais de 6 vezes no caminho por isso a coisa estava a prometer.
Depois de umas cabeçadas na G Spot II, lá fomos ter com o Gil... No meu HTC a coisa até estava a correr bem, tinha 85% de bateria, entrei na zona logo à primeira e lá apareceu o simpático Gil a pedir a nossa ajuda...

Mas entretanto, para o Bolacha a coisa estava negra. A antena da SportTV ali perto roubou-lhe os satélites e não havia nada para ninguém. Andámos para trás e para a frente a ver se o Gil estaria escondido mas ele não aparecia.
Meia hora depois, já com a bateria dele abaixo do 60% e decididos a ir embora, no último instante lá apareceu o Gil... Logo levou um chorrilho de insultos para aprender a ser mais pontual da próxima vez.

Assim que o Bolacha fez as pazes com o Gil ("Já nem posso ver o boneco!" dizia ele momentos antes) pudémos seguir viagem.
Eu fiquei desconfiado, o Gil parecia simpático mas cá para mim estava era a preparar-se para nos pregar uma partida, contudo lá fomos.

Ao chegar ao 2º ponto apareceu um Allien Invasion! Ah, afinal não, eram o edmi e a Alfa_Centauri. O Bolacha aproveitou logo para se pôr na conversa enquanto eu o Bolachinha e a Bolacha Maria faziamos o trabalho pesado de analisar os dados pedidos e ficámos a saber que havia bandidagem no Parque das Nações e que só se iria resolver à porrada.
Enquanto isso o Bolacha e nossos visitantes-surpresa davam largas à maldicência e cortavam na casaca de um monte de geocachers...

Com o tempo a passar e o Gil desesperado pela nossa ajuda lá fomos em busca do 3º ponto, mas quando lá chegámos já só haviam muggles na zona. O Gil que tinha ido à nossa frente já tinha espantado os bandalhos.

Foi então que a minha desconfiança se fez sentir. O Gil deu uma desculpa qualquer, que precisava de ir não sei onde, e a nós calhava-nos ir tratar das tarefas dele... Pois claro... Nada como aproveitar a 1ª oportunidade para se pôr na alheta...

Lá fomos para o 4º ponto onde nos esperava o adjunto do Gil que ficou obviamente todo lixado por o Gil se ter baldado. Entretanto o Bolacha já se mandava aos arames outra vez. Parece que o Gil tinha levado os satélites com ele e com as zonas pequenas também não ajudava muito.
Uma vez devidamente injuriado e amaldiçoado o owner por fazer zonas pequenas lá conseguiu o Bolacha entrar na zona e fazer o trabalho que lhe competia.

Entretanto a minha bateria já rondava os 50% e a do Bolacha chegava ao fim.
Com uma única bateria extra carregada (alguém tinha deixado a dele no carro) começou a altura das poupanças. Apontei o destino a olhómetro e... tirei mal as medidas. O Bolacha estava a mudar a bateria por isso não deu para confirmar a direcção a seguir. Então fomos a olho, em modo de poupança de bateria, demos uma volta ao bilhar grande e quando chegámos ao local para onde eu tinha apontado ainda faltavam uns 150 metros...
Concluimos que a poupança de bateria obrigou-nos a andar cerca de 3x mais que o necessário...
O Gil,claro está, andava na brincadeira. Convidou-nos para um passeio e depois deixou-nos entregues à bicharada e andava na brincadeira. Assim que chegou perto de nós levou logo uma sarrafada do Bolachinha que já nem o podia ver à frente...

O que safou aquilo foi o camarada de trabalho do Gil, que apareceu entretanto e lá acalmou os ânimos e ainda nos ofereceu um presente... apesar de ser insuficiente porque nós eramos quatro... Enfim... Quem dá o que tem a mais não é obrigado...

Numa tentativa de gozar a nossa recompensa, seguimos para o ponto seguinte, mas o sacana do Gil, que tinha andado na brincadeira enquanto nós trabalhavamos, apareceu outra vez a choramingar que a namorada dele estava sozinha e tinha medo e bla bla bla...

Decidimos que era fixe ir ter com a chavala dele, e claro, pela 1ª vez a coisa estava a começar a ser interessante. O Bolachinha ficou logo com água na boca, "Atiro-me logo a ela" dizia ele com um brilho doentio nos olhos...
Antes de chegarmos foi a vez do meu HTC dar o berro. A bateria aproximava-se dos 20% e a coisa estava a emperrar...

Reiniciado o animal e recarregado o cartucho (uma coisa muito importante nas Wherigo é ir sempre gravando o desenvolvimento do jogo) lá fomos ter com a garina que se mostrou desconfiada. O Bolachinha puxou dos galões de garanhão mas a coisa correu mal e ainda levou um estaladão no focinho. Feitas as apresentações mostrou-se muito incomodada com a gandulagem que andava a roubar cenas no Parque das Nações, e perante o pedido de ajuda da rapariga não pudemos deixar de tentar ajudar.

Depois de uma perseguição a alta velocidade apanhámos a bandidagem, o Gil andava escondido sabe-se lá onde e apareceu só na hora de recolher os louros e ficar com a garina e nós ficámos com o found e a sensação de dever cumprido!

Resumindo, foi uma tarde muito engraçada, a aventura está simples e leva-nos a um belo passeio pelo Parque das Nações sem comprometer.
Algumas zonas penso que se fossem um pouco maiores só temos a ganhar, porque quando há falta de sinal os aparelhos têm dificuldades em entrar na zona.
Muito obrigado pela cache, pelo passeio e pela aventura.

Data e hora do found: 20 de Março 2011, 19:30

Out: -
In: -

Team Geo-Cricket
MightyReek

Found it Found it lynx pardinus

02/20/2011

O telefone tocou sobre a minha secretária, atafulhada de jornais antigos (nunca velhos, apenas antigos), no meu pequeno escritório de madeira, O fumo dos cigarros que não fumo, mas que está lá para dar ambiente, não se dissipa nunca, formando arabescos e rodopios estranhos pelo ar. O som do telefone a tocar vinha quebrar qualquer coisa de imutável, de estático e imóvel naquele ambiente.

- "Sim? Lynx Investigações!"

- "Não, fofa! O Senhor Lynx não está! Volte a ligar mais tarde!". Não me apetecia trocar o suplemento do Expresso Ciências de há dois anos atrás por outro caso de divórcio ou infidelidade. Não estava para aí virado, naquele dia...

Mas a voz feminina continuou. A chorar. Não posso resistir a uma miúda a chorar. Há qualquer coisa que não me deixa ficar a ler o meu jornal. Por isso estar tão atrasado no Expresso Ciências.

- "Ok, coelhinha. Diz-me o que se passa..." disse com o meu melhor ar profissional

- "Sim. Namorado desaparecido. Chama-se Gil. Em Lisboa. Na Expo. Sinais distintivos - tem a cabeça com a forma de uma gota de água. Típico. Vestia uma camisola branca. Gosta de peixes. Eu também, fofa, sobretudo grelhados. Ficam sempre bem."

Fui. Atravessei a cidade, fugindo à chuva que aparecia aqui e ali, ameaçando a minha gabardina cinzenta e o meu chapéu. Nunca devemos ter o chapéu molhado - é o que ajuda no estilo. Para além da personalidade.

Cheguei. Olhei em redor, à procura de pistas. Olhei para o mapa, para me orientar, para adquirir mais conhecimento. Percebi que tinha que ir à procura de água - se o marmanjo tinha a cabeça na forma de uma gota, devia estar metido com alguma onda ou assim. Estes casos envolvem sempre uma miúda, pensei. Pobre coelhinha - trocada por uma onda. Talvez se eu tiver fotografias ainda possamos combinar um programinha a dois...

Não havia ondas no jardim. Só pegadas. De alguém azul. Era ele. O gotinha de água.

Segui-as. Passei pelo sítio dos peixes grandes. Alguns daqueles devem ficar bem é escalados. Ficam a saber a pato, tenho a certeza. Continuei a seguir as pegadas, passando por todos os sítios da Expo, remexendo cada canto em que percebia que o 'gotinha' tinha parado. E, de repente, viu-o. Com um comportamento estranho. Olhares de soslaio para todos os lados, como quem quer ver sem que se perceba que está a ver. Um telemóvel pequeno e estranho junto a ele. Com passinhos curtos e silenciosos. Furtivos. Gestos lentos, a escrever qualquer coisa num papel, a fechar o papel numa caixa, esconder a caixa. Últimos olhares, a comprovar que ninguém o tinha visto. A afastar-se rapida e silenciosamente.

Esqueci a coelhinha. Aquele Gil tinha um segredo. E eu sabia qual era. Por isso, dei uns passos, retirei a cache e fiz o meu found.

- "Este, já cá canta!", pensei.

P.S- Muito obrigado aos owners por uma cache excelente! Parabéns!

Found it Found it RyBorn
02/08/2011

#500 iupi.....hehehe....finalmente......LOL

Foi escolhida esta para celebrar a minha cache #500
Na Companhia do Sims71

E que bela escolha........

Embora o passeio se torne talvez demasiado longo.........Para quem já tinha estado em varios pontos desta cache hoje....pois ainda me faltavam fazer algumas caches até á #500 tive que lá voltar......mas acabou por ser um passeio agradavel.....com paragem para beber um cafézito pelo meio......

A alegria de encontrar o container final....embora estivesse á espera de um container maior.......

O drama que se instalou depois é que não foi o mais agradavel....
Estavamos nós sentadinhos a fazer o log.....Quando.........
Ouvimos um Ploch.....Era o Iphone4 do Sims71 a cair dentro de agua.........
O Sims entrou em panico....como é obvio.....Não é todos os dias que se deixam cair 1000€ para dentro de agua........
Saltou imediatamente para o outro lado......nem arregaçou as mangas.........braço todo dentro de agua....bolsa e tudo......Nada.....
Começa-se a despir........( Querem ver que este gajo se vai amandar lá para dentro )......Não ficou só em tronco nu........
Deita-se no chão........braço todo lá dentro......até que finalmente surge a mão do lado de fora.....Com aquela Maça molhada que vale quase 10€ a grama......
Espero bem que o Iphone fique bem de saude......Não quero que a minha Cache #500 seja um trauma para o Sims71........

Muito obrigado por este belo passeio.......
TFTC
Rykardo Oliveira
Team RyBorn

Found it Found it paulohercules
01/01/2011

# 2662
Enquanto jogava esta WIG senti uma certa nostalgia e, recordei-me das memoráveis visitas à Expo 98.
Na altura fui membro do Clube do Gil e, gostei tanto desta mascote que, até lhe dediquei um TB (TB1R6EK). (visit link)
Tal como durante a Expo 98 a universalidade do local mantém-se, foram várias as línguas (das que consegui distinguir) que ouvi os transeuntes falar durante esta aventura.
As personagens desta estória são muito engraçadas e o argumento é original.
Em relação à zona onde se desenrola a acção, quem conhece sabe que é um espaço fantástico onde vale sempre a pena voltar e, recomenda-se a quem não conhecer que a visite mas, com tempo e sem pressas.
Quanto à jogabilidade não encontrei problemas de maior.
No primeiro ponto ainda demorou algum tempo até descobrir o GZ mas, depois foi sempre à primeira tentativa.
Este “cartucho” foi executado num Oregon 550 e, em relação a outras WIG que já joguei num Oregon 300, notei um consumo de energia bastante mais baixo.
De referir que a introdução do lembrete e funcionalidade para gravar o jogo foi uma ideia excelente.
Devido a alguns problemas (crashes, etc) ocorridos enquanto jogava outras WIG, habituei-me a gravar o jogo sempre que concluía uma etapa mas, era aborrecido ter de sair e reiniciá-lo.
Esta função permite gravar o jogo sem sair tornando-o mais agradável e menos enfadonho.
Muito obrigado pela dedicação e tempo investido no planeamento, realização e produção desta cache.
XNSL

Found it Found it corvos
12/31/2010

Claro que nos recordamos do GIL, poderíamos lá esquecer-nos de tal criatura. Esta mascote evocava o grande navegador português Gil Eanes.

Ontem recebemos um convite especial do Zé Maria dos global trekkers para fazermos esta WHERIGO, na companhia do Paulo dos houseofun. Um convite destes não se pode desperdiçar, pela companhia e prontamente combinámos o ponto de encontro.

Chegados ao porto de embarque não tivemos que aparelhar “… uma barca de 30 toneladas, com um só mastro, e uma única vela redonda e também movida a remos e parcialmente coberta …”, como o fez Gil Eanes quando se preparou para dobrar o Cabo da Boa Esperança, bastou-nos a mão firme no leme destes tempos, e pernas para andar, a nossa rota não foi necessário mudar uma única vez, pois os ventos estiveram sempre amenos e de feição e a chuva não se deu por ela.

Nesta cache recordámos a nossa primeira WHERIGO – Belém Time Portal, em Junho de 2008, na qual o Capitão-mor, Geopintus se disponibilizou com seu astrolábio.

Encontrado o tesouro é hora dos agradecimentos para aqueles que se lembraram de nós companheiros desta grande viagem, o Zé Maria e o Paulo. Ao Team do Trilho por nos ter dado a oportunidade de atravessar mais uma vez este pedaço de terra firme que nos é bastante querido e à mascote da Expo98, pois sem ele o tema desta cache seria outro.

Com o achamento desta cache dissemos adeus à década, festejamos o aniversário das gémeas e terminámos com chave de ouro este ano geocachiano, com bolo rei. corvos
920 corvos, trintaeumdodozededoismiledez

12/24/2010

{*FTF*}










Que de melhor se pode fazer na manha de vespera de natal do que ir fazer um FTF e neste caso de um werigo e para ser a cereja no topo do bolo, feito na companhia dos owners e de muitos amigos geoccaher´s. A alegria foi constante fazendo assim desta manha uma manhã magnifica.
Em relação à cache está muito bem elaborada e leva nos a conhecer o parque das nações de uma maneira simples e agradavel.
Desde já os meus parabéns aos owners e continuem a colocar caches destas e a ter iniciativas de juntar a malta.


TFCT

1 comment

  • Comment Link Tribo do Trilho
Trilho 24 December 2011 Tribo do Trilho Trilho

    O nosso obrigado ao jasafara e ao GeoPT pelo destaque a uma cache que nos deu muito prazer a idealizar e construir. É sempre bom reler alguns dos maravilhosos textos que os visitantes do Gil vão partilhando nos seus logs.

    Tínhamos planeado uma nova aventura para este Natal mas o excesso de trabalho trocou-nos as voltas. Talvez para o ano. :)

    Um Feliz Natal para todos.

Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter