30de Novembro,2022

Geopt.org - Portugal Geocaching and Adventure Portal

26 September 2012 Written by  Flora Cardoso

Geotalk - TeamMAM - Owner da melhor cache do distrito de Évora

A cidade de Évora brilhou no âmbito do projecto Prémios GPS 2011 e pela primeira vez uma cache Wherigo foi distinguida pela comunidade como melhor cache distrital.
Falamos obviamente de Ebora Liberalitas Iulia brilhantemente concebida por uma equipa muito simpática que tem revelado um percurso extremamente consistente no geocaching português, desde os seus primeiros passos na actividade. Arrojados, criativos e totalmente virados para o geocaching interactivo, hoje o Geopt chega à conversa com a TeamMAM!
 
 
A contribuir activamente para o bom Geocaching em Portugal desde 2008, quem é a TeamMAM?

Olá Geocachers. A TeamMAM é uma equipa familiar constituída por três elementos a Maria, a Susana e o Paulo.
Nós descobrimos o Geocaching em Novembro de 2008 após uma pesquisa na internet por programas para Windows Mobile para gravar os percursos de BTT, no passeio de BTT após a descoberta iniciamo-nos no Geocaching, a Maria nesta época ainda andava na cadeirinha de bicicleta para crianças.
A primeira cache que tentamos encontrar e que tínhamos mais perto de casa era a Sopa da Pedra, do Lopesco, a busca durou cerca de uma hora e revelou-se um DNF mas isso não nos deixou desanimados. No local perguntava a Susana e a Maria: O que temos que encontrar aqui?
Penso que seja um Tupperware e no interior tem um livro para fazer anotações e pode ter algumas coisas para troca.
Após a desistência seguimos para a Quinta da Alorna [Almeirim] do riraposo & truta. Depois de trinta minutos de buscas lá encontramos a cache… mas não era um “tupperware”. Ficamos com a sensação que na primeira não tínhamos procurado bem mas voltamos para casa.
Em casa e após analisar bem a página da cache, lá percebemos o que se tinha passado. No topo da página estava escrito a vermelho “Cache Issues: This cache is temporarily unavailable. Read the logs below to read the status for this cache.” Foi então que percebemos que a cache não estava lá.
Mas foi durante umas pequenas férias que fizemos no Gerês que ganhamos a verdadeira paixão pelo Geocaching. Pois é uma actividade que podemos realizar em família, e que nos permite visitar belos lugares, que se não fosse pelo jogo nunca lá iríamos. Nestas férias fomos visitar locais maravilhosos e não visitamos mais porque todas as cache que a TeamMAM tem logadas estiveram presentes todos os elementos da Team. A Maria em 2008 tinha apenas 2 anos o que nos limitava um pouco os locais a visitar, no entanto conseguimos visitar as Cascatas do Tahiti [ Gerês] e outras maravilhas que existem por lá, algumas ainda voltamos para as visitar.
No entretanto, já perdemos a conta ás estradas bem apertadinhas, que de um lado é penhasco e do outro muros de rochas, sem ter hipótese de dar a volta se o caminho acabar e de locais que pensávamos conhecer bem e no final o Geocaching levar-nos a um pedaço que nunca tínhamos visto, surpreendentemente bonito. Mas isto para nós é que é o verdadeiro Geocaching.

A vossa cache Ebora Liberalitas Iulia foi uma das grandes vencedoras da iniciativa Prémios GPS 2011, galardoada com o prémio de melhor cache no distrito de Évora! Como acolheram este prémio?

Primeiro, foi uma enorme surpresa! Adoramos saber que as pessoas gostam de visitar as nossas caches e conhecer, ou rever, os locais que tentamos mostrar. No caso de Évora, foi uma das caches que até agora mais gosto nos deu a construir, logo é muito gratificante saber que quem a visitou gostou e conseguiu apreciar as histórias que criámos, e também todo o património que Évora nos tem para oferecer. Resumindo, foi um verdadeiro orgulho termos sido galardoados com um Prémio como este, mas só por ser uma cache nomeada já ficamos muito contentes.

Q7A8Jl
Ebora Liberalitas Iulia é o primeiro projecto Wherigo a ser distinguido como cache vencedora na iniciativa Prémios GPS! Foi uma cache que deu muito trabalho a elaborar? Conseguem quantificar o tempo e os meios investidos para criar este cartucho?

Por já termos criado, antes da Ebora Liberalitas Iulia, uma Wherigo , podemos afirmar que o trabalho existiu, mas já sabíamos o que queríamos e como queríamos fazer.
Uma cache Wherigo é sempre um grande investimento em termos de tempo, porque só a criação do cartucho consome imenso tempo.
Para a criação de uma wherigo do tipo “Fiction”, convém sempre ter uma estória que sustente toda a aventura que queremos proporcionar ao geocacher que a visita.
Desde o delinear da estória, a pesquisa que fizemos em Bibliografia e através da Internet, para conhecermos melhor a história desta cidade alentejana, os seus monumentos e património, até à criação de outras estórias que os complementassem, e permitissem que o jogador interagisse com a cidade e com os locais, podemos dizer que não demorámos mais de um mês.
Depois tivemos de fazer testes com vários equipamentos distintos para garantir que a estória corre da mesma forma em todos eles e que não existem erros.
Como moramos em Almeirim escolhemos o fim-de-semana de 15 a 17 de Abril de 2011 para nos deslocarmos a Évora.
Chegamos no dia 15 à noite e após a chegada, aproveitamos a noite para efectuar testes com o Windows Mobile para verificar todas as estórias, a localização das zonas, o local do container, permitindo assim verificar in loco se dava para ser o que tínhamos em mente. Neste dia ficamos por aqui.
No dia 16 efetuámos as correcções que eram necessárias no cartucho e fomos às compras. Preparamos e colocamos o container no local, depois foi só colocar a listing para revisão e esperar, ainda jogámos todos os jogos, mais do que uma vez para ter a certeza que estava tudo certo e nos locais certos. É certo que foram dois dias (e noites) em Évora muito intensos, e com muitos quilómetros nas pernas.
No dia 17 quando nos preparávamos para regressar a casa, passamos pela zona da cache para ver como estava tudo e ainda nos cruzamos com LAGROT a fazer o FTF e com o Das perfekte Team que testou o cartucho em Inglês.
Esta Wherigo deu-nos imenso prazer a construir, que apesar de trabalhosa, achamos que foi rápida a fazer.
Por gostarmos tanto de jogar este tipo de Caches, esperamos que as pessoas gostem do que criamos, para assim se entusiasmarem e criarem elas próprias Wherigos, para que também as possamos jogar.
KSFCRl

Para os geocachers que ainda não tiveram oportunidade de procurar Ebora Liberalitas Iulia, que tipo de aventura e desafio se esconde atrás deste cartucho? O que é que os jogadores vão poder descobrir?

A Ebora Liberalitas Iulia é um cartucho “Play Anywhere”, isto quer dizer que pode ser jogada em qualquer local. Jogada desta forma, a única limitação que tem é não receber o código de desbloqueio para o site www.wherigo.com nem ser revelado o final da estória.
No entanto achamos que jogando no local, com os pontos que são referenciados a serem visitados, ao mesmo tempo que a história se desenrola, é muito mais agradável e divertido.
O cartucho está em Português e em Inglês, sendo constituído por 3 estórias diferentes em que o jogador quando inicia o cartucho é questionado sobre o Idioma e a estória que quer jogar:
“Geraldo Sem Pavor” – Tentativa de recriação de um acontecimento histórico da cidade de Évora;
“Visita Por Ebora” – Uma visita guiada pela cidade de Évora com informação real e o acompanhamento de umas personagens muito divertidas;
“Ossos” – Uma estória de ficção que usa os locais como cenários, a informação do local e o próprio local como enredo.
Esta é uma das mais-valias da Wherigo, pois com histórias completamente diferentes ficam a conhecer o Património cultural, histórico e também humano que esta cidade nos pode oferecer.
Todas estas estórias visitam locais diferentes de Évora, tendo como ponto comum o ponto inicial e o ponto final da cache.
Um geocacher que jogue todas as estórias vai acabar por visitar toda a cidade de Évora de uma forma diferente e divertida, esperemos que tão divertida quanto nós nos divertimos.

A TeamMAM é owner de 3 caches do tipo Wherigo. Este é um formato que vos agrada particularmente? Do vosso ponto de vista, qual é o valor acrescido na tipologia Wherigo comparativamente com outros formatos mais tradicionais ou até Letterbox Hybrid?

A nosso ver, uma cache quando bem construída, com uma história que a fundamente e com local físico que a complemente, é meio caminho andado para se tornar uma boa aventura.
A cache tipo Wherigo, agrada-nos particularmente pois incluem-nos, como jogadores, numa estória que temos que percorrer e complementar com algumas tarefas, ao mesmo tempo que nos vão dando a conhecer locais de importância patrimonial, histórica ou até mesmo natural. Somos participantes ativos na estória, e por vezes podemos escolher como terminamos a mesma. A vantagem da Wherigo em relação às outras é que a estória é um dos condimentos quase sempre presentes. É por toda esta situação que nos dá muito prazer jogar este tipo de caches.
De todos os tipos de caches que existem, desde há algum tempo que gostamos mais de jogar Wherigos e Letterboxes, pela razão que referimos anteriormente, o existir uma estória que nos inclui e que temos que a seguir para completarmos a cache. As Letterbox atualmente têm um grau de dificuldade um pouco elevado para o elemento mais novo da Team, o que nos acaba por limitar na mobilidade quando partimos em busca de tesouros que nos agradam.
HR3f1l

Qual é a relação da TeamMAM com a cidade de Évora e onde foram buscar a inspiração para criar esta cache?

Como referimos anteriormente o outro nosso passatempo é o BTT, sendo esta uma cidade que nos agrada particularmente para a prática dessa modalidade.
Como temos família (polikpt) a morar em Évora, é um pretexto para nos deslocarmos lá com alguma frequência.
Quando descobrimos a “paixão” pelas caches Wherigo, lembrámo-nos que tendo em conta o valor patrimonial e histórico que a cidade ostenta, teríamos que valorizá-lo ainda mais fazendo com que mais pessoas o conhecessem, e a única forma que o poderíamos fazer era levar a enorme comunidade de Geocachers a ter uma razão para visitar Évora.
Quanto à inspiração para a criação das caches acabamos sempre e antes de qualquer projecto, fazer um Brainstorming entre todos os elementos da Team em que todos temos uma voz ativa. Quando não alcançamos consenso quanto ao rumo a dar ao projecto, acabamos sempre por levar em conta as ideias de todos e tentamos colocar isso em prática. Neste caso temos um cartucho com 3 estórias diferentes em que cada elemento da Team se identifica mais. Isso e a imensa pesquisa realizada sobre as igrejas e monumentos que a cidade tem, e as histórias que descobrimos, estarem entrelaçadas umas nas outras, tínhamos o cenário perfeito só tínhamos de “conduzir” as pessoas pelas estórias.

Não puderam estar presentes fisicamente na Cerimónia de Entrega dos Prémios GPS 2011 em Mondim de Basto, contudo brindaram a plateia com um vídeo de agradecimento muitíssimo animado! Que palavras gostariam agora de acrescentar para todos aqueles que votaram e ajudaram a eleger a vossa cache?

O vídeo foi das coisas mais engraçadas que já tivemos que fazer!!!
Ter que pensar no que iríamos dizer e depois gravá-lo, ainda foi um processo que demorou algum tempo… um serão!! Mas foi muito divertido.
Muito obrigado a todos os geocachers que visitaram a nossa cache e aos seus logs muito positivos e divertidos, e por terem votado (achamos nós que por essa razão), na cache para ser a vencedora pelo distrito de Évora, ficamos felizes por terem gostado, pois foi para isso que trabalhámos.
Esperamos que todos tenham gostado das estórias que tentamos contar através deste cartucho. Algumas são pura fantasia, outras tentaram recriar os acontecimentos de acordo com o conhecimento que nós temos da cidade de Évora e da melhor forma que conseguimos.
Nunca pensámos, foi que alguma vez iríamos receber um prémio por isso.
Queremos também deixar aqui um agradecimento público ao Vteec que muito tem ajudado tanto a nós, como aos geocachers que se deslocam ao local. Alguns têm problemas na localização e ele rapidamente se prontifica a ajudar na resolução dos mesmos.
Ele já deve conhecer o cartucho tão bem quanto nós, tantas são as vezes que se desloca ao local em socorro.
Ryov5l

A vossa equipa é muito activa nos Hides, são Owners muito criativos e as vossas caches proporcionam sempre experiências diferentes. A TeamMAM está de momento com novos projectos em carteira?

Sim. Atualmente estamos a ultimar uma nova cache Wherigo que já se encontra em fase de testes. Ideias para novos projectos são coisas que não nos faltam, no entanto para qualquer projecto é sempre necessário um local que se enquadre à estória que nós temos em mente ou então uma estória para o local que queremos. Todas as caches por nós colocadas foram sempre alvo de um amadurecimento temporal, o que fez com que alguns projetos acabassem por morrer na gaveta porque a sua realização não iria alcançar os objectivos pretendidos.
Está também num estado “quase de maturidade” um outro projeto para uma Letterbox Hybrid, outro tipo de cache que nos agrada muito.

Que balanço fazem da iniciativa Prémios GPS e, na vossa opinião, em que medida este projecto pode ser melhorado em futuras edições?

Um prémio monetário de 5000€ para comprar conteiners dava jeito [:D] .

Agora fora de brincadeiras, achamos que esta iniciativa promove ainda mais as visitas às caches, principalmente as que ficam nomeadas, e leva os geocachers a colocarem caches cada vez melhores, promovendo desta forma um geocaching de melhor qualidade.
Obrigada Flora e GeoPT pela simpatia e pela oportunidade,
Um beijinho
TeamMAM
Maria
Susana
Paulo


3 comments

  • Comment Link António
Gomes 26 September 2012 polikpt

    Parabéns pelo prémio e parabéns pela entrevista..

    beijos e abraços
    do "CAZÉ"

  • Comment Link José Carlos Jerónimo
Pereira 26 September 2012 zekarlos

    Espero em breve ir a Évora fazer a tua wherigo. Abraço

  • Comment Link Paulo
Hercules 26 September 2012 paulohercules

    Esta WIG proporcionou-me uma excelente revisita a Évora.

    Estou desejoso de lá voltar para desfrutar as outras "aventuras" do "cartucho".

    TFTWIG

Login to post comments
Geocaching Authorized Developer

Powered by Geocaching HQ
Geocaching Cache Type Icons © Groundspeak, Inc.
DBA Geocaching HQ.
All rights reserved. Used with permission.

Newsletter